Reunião do Parlamento Amazônico é adiada após falha em aeroporto de Lima, no Peru

A 8ª Sessão Ordinária do Parlamento Amazônico (Parlamaz), que aconteceria amanhã (4), foi adiada para quarta-feira (5) devido à impossibilidade de o presidente do colegiado, o senador Nelsinho Trad (PSD-MS), chegar a Lima, no Peru.

Noticias gazetacrnews em 03 de junho, 2024 14h06m

A 8ª Sessão Ordinária do Parlamento Amazônico (Parlamaz), que aconteceria amanhã (4), foi adiada para quarta-feira (5) devido à impossibilidade de o presidente do colegiado, o senador Nelsinho Trad (PSD-MS), chegar a Lima, no Peru. Trad foi um dos que sofreram com as condições do Aeroporto Internacional Jorge Chávez neste início de semana. A Latam, empresa responsável pelo voo, realocou o parlamentar para embarcar ainda na tarde desta segunda-feira (3).

A reunião do Parlamaz visa ao fortalecimento da Organização do Tratado de Cooperação Amazônica (OTCA), a pedido do próprio Itamaraty, segundo nota de Trad. Se não fosse possível o embarque ainda hoje, a sessão com parlamentares de 6 países amazônicos seria cancelada, já que não acontece sem a presença do presidente.

"Devido às mudanças, a 8ª Sessão Ordinária do Parlamento Amazônico (Parlamaz) será realizada em Tarapoto, na Amazônia peruana, na manhã do dia 5 de junho. Posteriormente, será conduzida uma missão de campo. A decisão de mudar o local da sessão visa garantir que todos os integrantes da delegação possam participar das discussões e atividades programadas", informaram.

Em uma nova atualização, a Latam alterou a aeronave e conseguiu reacomodar nove passageiros da delegação, que inicialmente chegariam a Lima amanhã às 6h40. Com a mudança, os integrantes da delegação agora chegarão às 23h desta segunda-feira", informaram às 14h.

O que dizia a companhia?

Procurada pelo SBT News

Publicidade

A principal pista de pouso e decolagem do país latino apresentou falhas no sistema de iluminação ainda na tarde de domingo (2) e por, este motivo, suspendeu diversos voos.

O problema foi gerado por “um curto-circuito nas redes” que fornecem eletricidade à via, informou o presidente do conselho de administração da Corporação Peruana de Aeroportos Comerciais e Aviação, José Luis Barrios, em declarações à TV local.

As operações foram retomadas somente nesta segunda-feira (3), com a restauração do equipamento. Ao menos 50 voos foram afetados e cerca de 37 com chegada a Lima foram desviados para outros países ou aeroportos em outras regiões do Peru.

Iriam à 8ª Sessão Ordinária do Parlamaz os deputados Perpétua Almeida (PCdoB-AC), Socorro Neri (PP-AC) e Sidney Leite (PSD-AM), além do senador Esperidião Amin (PP-SC). Todos devem cancelar a ida. "Não há informações claras sobre o motivo pelo qual a Latam está impedindo o embarque da comitiva", dizia nota de Trad ainda nesta manhã (3).

Publicidade

Comentários

Notícias relacionadas