Quem será o próximo governador de MS?

Noticias gazetacrnews em 01 de maio, 2022 08h05m
Facebook Twitter Whatsapp

Da Redação - Em outubro de 2022 os eleitores de Mato Grosso do Sul irão escolher o novo governante do Estado. Estão na disputa, pelo menos 4 nomes e que reúnem mais chances de se eleger governador. O ex-prefeito da capital, Marquinhos Trad, o ex-governador André Puccinelli, a deputada federal Rose Modesto, e o ex-secretário de governo Eduardo Riedel. As pesquisas mostram que os nomes citados estão, de certa forma, com as mesmas chances de se eleger, mostrando Riedel um pouco mais abaixo dos demais. Riedel é o nome apoiado pelo governador Reinaldo Azambuja, e conta com o apoio de pelo menos 60 prefeitos em todo o Estado. A expectativa é que Eduardo Riedel possa ter seu nome mais divulgado e amplie a preferência do eleitorado. A

Marquinhos Trad, deixou o cargo de prefeito de Campo Grande para concorrer o governo. As pesquisas mostram que ele reúne o maior apoio junto aos eleitores da capital. Isso pode ser determinante numa possivel eleição. O juiz federal Odilon de Oliveira deve ser homologado como candidato a senador na chapa com Marquinhos. 

Rose Modesto deixou o PSDB e migrou para outro partido político, em busca de concorrer o pleito para o cargo de governdora. Rose é deputada federal, já demonstrou que consegue mobilizar um percentual considerável de eleitores, mas os números não mostra sua possível candidatura com chances de vitória. Rose sabe que somente com o fracasso de Riedel ela poderá ter chances de eleição, com a migração do apoio do governador Azambuja. 

André Puccinelli, também busca voltar ao governo de MS. Puccinelli responde a processos da sua gestão como governador de MS por dois mandatos (2007 a 2015), chegou a ser preso, mas conseguiu anular o processo que lhe imputou uma possível inegibilidade. O MDB de Puccinelli meio degringolado, mas ainda reúne algumas lideranças como o ex-senador Valdemir Moka, Junior Mochi e o deputado Marcio Fernandes, dentre outros ex-vereadores da capital. 

Publicidade
Compartilhe esta notícia:
Facebook Twitter Whatsapp

Comentários