Prefeito de Costa Rica prepara para disputar a reeleição em 2024

Da Redação - Em 2024, segundo o calendário eleitoral que está vigente no Brasil, haverá eleições municipais no mês de outubro. São mais de 5 mil municípios que deve somar mais de 21 mil candidatos a prefeito Brasil afora.

Cidade em 01 de janeiro, 2024 07h01m
Prefeito de Costa Rica, Cleverson dos Santos.
Prefeito de Costa Rica, Cleverson dos Santos.

Da Redação - Em 2024, segundo o calendário eleitoral que está vigente no Brasil, haverá eleições municipais no mês de outubro. São mais de 5 mil municípios que deve somar mais de 21 mil candidatos a prefeito Brasil afora. Em Costa Rica, no máximo 3 nomes pode concorrer ao pleito eleitoral. 

O atual prefeito, o delegado Cleverson dos Santos (PP), já trabalha no meio de seus aliados e simpatizantes a candidatura a reeleição. O prefeito deve somar entre 3 a 4 partidos políticos na sua aliança eleitoral. O município está com as finanças organizadas, obras já iniciadas e outras que deve ser lançadas até o mês de abril desse ano. 

No campo de aliados, Cleverson trouxe para seu grupo, nomes importantes e na eleição de 2020 foram adversários. Nesse meio, cita os vereadores Juvenaldo dos Santos, que o atual secretário de saúde, Rayner Moraes, que ocupou a secretaria de governo, o suplente de vereador Biri Bocalan, que ocupa o cargo na Câmara, o empresário Edson Moraes, conhecido pela alcunha “Kiabo” e outros nomes que até disputaram a eleição de vereador, e que mudaram de lado. 

O apoio político do governador de MS, Eduardo Riedel, do ex-governador Reinaldo Azambuja, da senadora Tereza Cristina e do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Gerson Claro, são passos fundamentais que soma no projeto de reeleição do prefeito Cleverson. O atual vice prefeito, Roni Cota é filiado ao PSDB. 

Publicidade

O senador Nelsinho Trad, presidente regional do PSD já acenou com as possibilidades em apoiar o projeto de reeleição do prefeito Cleverson. 

Na oposição ainda não se sabe quem será o nome que envergará uma possível candidatura, comenta-se o nome do ex-prefeito Waldeli Rosa (MDB). Outro nome que pode tornar candidato é o vereador Evaldo Paulino (PSD). Pelo menos 50% do PSD em Costa Rica deve caminhar com o atual prefeito, como é o caso do vereador Artur Baird, o secretário de Obras Penides Garcia e outros. Cabe a Evaldo se mover para construir uma possível alternativa. 

Nada está decidido, as convenções partidárias serão no mês de junho, e até lá pode surgir novos nomes, e é bem possível que Costa Rica possa ter mais nomes disputando a eleição para prefeito. 

Publicidade

Comentários